Over 10 years we helping companies reach their financial and branding goals. Onum is a values-driven SEO agency dedicated.

CONTACTS
Dicas Segurança

Tipos de ataques cibernéticos que você deve conhecer

Tipos de ataques cibernéticos que você deve conhecer
Tempo Estimado de Leitura: 5 minutos

É preciso um clique para colocar seus dados em risco

Muitas pessoas estão bem cientes da existência de ataques cibernéticos, mas nem todas são capazes de distinguir entre os diferentes tipos.

É benéfico conhecer toda a gama de espectro de crimes cibernéticos, pois você pode se preparar para as formas de ataque que podem ocorrer em seus negócios.

De acordo com a Fortinet, empresa de soluções integradas e automatizadas de segurança cibernética, em 2020 a América Latina sofreu mais de 41 bilhões de tentativas de ataques cibernéticos.

Na maioria das vezes, os golpistas usam e-mails para se passar por autoridades governamentais ou de saúde, dando iniciativas de apoio financeiro, ofertas de vacinas, aplicativos de rastreamento da COVID-19, dicas de ações e doações de caridade, na tentativa de seduzir as vítimas a fornecer seus dados pessoais e baixar conteúdo malicioso.

A Interpol também relatou um aumento na quantidade de informações não verificadas, ameaças inadequadamente compreendidas e teorias conspiratórias que facilitaram a execução de alguns ataques cibernéticos.

Com essas ameaças iminentes, os proprietários de empresas são fortemente aconselhados a se educar sobre as formas comuns de ataques cibernéticos e estar sempre prontos.

Malware

Malware é um código que é feito para afetar um sistema de computador comprometido sem o consentimento do usuário.

O malware difere de outros softwares porque pode se espalhar por uma rede, causar alterações e danos, permanecer indetectável e ser persistente no sistema infectado.

  • Spyware é um software indesejado que se infiltra em dispositivos de computação, roubando seus dados de uso da internet e informações confidenciais.
  • O Ransomware bloqueia seu disco rígido ou criptografa seus arquivos e exige dinheiro para acessar seus dados. No entanto, não há garantia de que, pagando um resgate, você recuperará o acesso aos seus dados.
  • Drive-by attack é um script malicioso é plantado em PHP ou HTTP em uma página de site. Esses ataques são conhecidos como drive-by porque não requerem nenhuma ação por parte da vítima, exceto visitar o site comprometido. O sistema é infectado automaticamente quando o usuário entra no site se as atualizações de segurança não tiverem sido aplicadas.
  • Cavalo de Tróia (Trojan horse) é um programa de software malicioso que deturpa-se para parecer útil. Eles se espalham parecendo um software de rotina e persuadindo uma vítima a instalar.

Phishing

O phishing é definido como tentativas de partes externas de obter acesso a informações privadas sobre usuários.

Os hackers buscam senhas, números de cartão de crédito, informações de contas bancárias – ou qualquer informação capaz de ser usada para acessar dados.

  • Phishing sphere é um e-mail destinado a um determinado indivíduo ou organização, com o objetivo de obter acesso não autorizado a informações cruciais. Esses hacks são provavelmente feitos para obter segredos comerciais, ganho financeiro ou inteligência militar. Os cibercriminosos também realizam esses ataques para revender dados confidenciais para empresas privadas e governos.
  • Whale phishing é direcionado a funcionários de alto perfil, como o CFO ou CEO, uma vez que eles provavelmente terão acesso ilimitado a informações confidenciais.

Ataques na Web

  • A injeção SQL (SQL injection) é um tipo de ataque que emprega código malicioso para manipular bancos de dados backend para acessar informações que não eram destinadas à exibição. Uma injeção SQL bem sucedida pode causar exclusão de tabelas inteiras, visualização não autorizada de listas de usuários e, em alguns casos, o invasor pode obter acesso administrativo a um banco de dados.
  • O Cross-site scripting (XSS) é uma espécie de violação de injeção onde o invasor envia scripts maliciosos para conteúdo de sites respeitáveis. O código malicioso é empacotado com conteúdo dinâmico que é então enviado para o navegador da vítima. O código malicioso geralmente é enviado como peças de código JavaScript que são executadas pelo navegador do alvo.

Outros Ataques

  • O DDoS (Distributed Denial of Service, Ataque de Negação de Serviços) visa desligar uma rede ou serviço, inundando servidores da Web com solicitações que impedem a conexão de seus usuários. Embora esses ataques não resultem na perda de informações vitais, eles podem custar à vítima muito dinheiro e tempo para mitigar. O DDoS é, portanto, frequentemente usado em combinação para distrair de outros ataques de rede.
  • O ataque por senha é simplesmente uma tentativa de descriptografar ou obter a senha de um usuário com intenções ilegais. Ataques de senha são frequentemente realizados recuperando senhas armazenadas ou exportadas através de um sistema de computador.
  • O Decoy é um dos ataques cibernéticos que você precisa ter muito cuidado. O hacker cria uma simulação de programa, como um aplicativo bancário, por exemplo, e tenta induzir o usuário a fazer o login fornecendo a senha. Com isso, é possível armazenar todas as suas informações para usar posteriormente e fazer transferências bancárias ou prejuízos semelhantes.

O que fazer?

Para montar um bom mecanismo de defesa, você precisa entender o ataque.

É evidente que os cibercriminosos têm muitas maneiras de realizar seus ataques ao seu negócio.

Você precisa ser proativo na defesa e proteção de sua rede.

Dicas para evitar ataques cibernéticos

  • Treine sua equipe – Uma das maneiras mais eficientes de proteger contra ataques cibernéticos e todos os tipos de violações de dados é treinar seus funcionários na prevenção de ataques cibernéticos e informá-los sobre os ataques atuais.
  • Mantenha seus softwares e sistemas totalmente atualizados – Muitas vezes os ataques cibernéticos acontecem porque seus sistemas ou software não estão totalmente atualizados, deixando fraquezas.
  • Instale um Firewall – Colocar sua rede atrás de um firewall é uma das maneiras mais eficazes de se defender de qualquer ataque cibernético. Um sistema de firewall bloqueará qualquer ataque de força bruta feito em sua rede e/ou sistemas antes que ele possa causar qualquer dano, algo que possamos ajudá-lo.
  • Faça backup de seus dados – No caso de um desastre (muitas vezes causado por um ataque cibernético) você deve ter seus dados apoiados para evitar um tempo grave de inatividade, perda de dados e perdas financeiras graves.
  • Controle o acesso aos seus sistemas – Acredite ou não, um dos ataques que você pode receber em seus sistemas pode ser físico. Ter controle sobre quem pode acessar sua rede é realmente muito importante. Alguém pode simplesmente entrar em seu escritório ou empresa e conectar uma chave USB contendo arquivos infectados em um de seus computadores, permitindo-lhes acesso a toda a sua rede ou infectá-la. É essencial controlar quem tem acesso aos seus computadores.
  • Segurança Wi-fi – Quem não tem um dispositivo habilitado para wi-fi? E esse é exatamente o perigo! Qualquer dispositivo pode ser infectado por se conectar a uma rede, se este dispositivo infectado então se conectar à sua rede de negócios todo o seu sistema está em sério risco. Proteger suas redes wi-fi e escondê-las é uma das coisas mais seguras que você pode fazer por seus sistemas.
  • Contas pessoais dos funcionários – Cada funcionário precisa de seu próprio login para cada aplicativo e programa. Vários usuários que se conectam sob as mesmas credenciais podem colocar seu negócio em risco. Ter logins separados para cada membro da equipe ajudará você a reduzir o número de frentes de ataque. Maior segurança não é o único benefício, você também terá uma melhor usabilidade.
  • Gestão de acesso – Um dos riscos como dono de um negócio e ter funcionários é instalar software em dispositivos de propriedade empresarial que possam comprometer seus sistemas. Ter os direitos administrativos gerenciados e bloquear a instalação ou mesmo acesso a certos dados em sua rede é benéfico para sua segurança. É da sua conta, proteja-o!
  • Senhas – Ter a mesma configuração de senha para tudo é muito perigoso. Uma vez que um hacker descobre sua senha, ele agora tem acesso a tudo em seu sistema e qualquer aplicativo que você usar. Ter diferentes senhas configuradas para cada aplicativo que você usa é um benefício real para sua segurança, e alterá-las com frequência, muitas vezes manterá um alto nível de proteção contra ameaças externas e internas.

Conclusão

Pode ser difícil saber por onde começar quando se trata de proteger seu negócio contra crimes e ataques cibernéticos.

Mas sabendo os principais tipos de ataques existentes hoje e tomando as devidas precauções para evitá-los, você ficará mais tranquilo para cuidar do seu negócio.

Como você está se protegendo contra estes ataques? Conta pra gente!

Leia também

Autor

Agência Impacto

A Impacto tem o orgulho de apresentar a você este blog sobre web design, marketing digital, redes sociais e quaisquer outros assuntos relacionados à tecnologia. Se houver algo que você acha que devemos conversar, fala com a gente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Skip to content